Categorias

Vale a pena comprar um carro que saiu de linha?
22 out

Vale a pena comprar um carro que saiu de linha?

Para quem quer comprar seminovos há um mundo de possibilidades. Os carros usados já são preferidos por grande parte da população pelo seu preço mais em conta. Afinal, um carro zero km já perde muito do seu valor quando sai da concessionária. Mas o que acontece com um carro que vai sair ou já saiu de linha?

Há diversos fatores que influenciam na valorização dos modelos que estão saindo de linha. Alguns casos podem ser vantajosos, outros não. Mas é preciso considerar também a facilidade de manutenção e de aquisição do seguro auto.

Confira quais fatores devem ser avaliados antes de comprar um carro que está saindo de linha. Saiba também que modelos podem estar com os dias contados em 2021.

 

Vantagens do carro que saiu de linha

Comprar um carro que saiu de linha pode ser uma boa oportunidade, principalmente para quem busca por um veículo mais completo sem gastar tanto. Ao ter a produção descontinuada esses veículos podem sofrer uma alta taxa de desvalorização, o que facilita a compra, mas pode prejudicar a revenda. Porém, nem sempre é assim.

Alguns especialistas observam que o valor que esse veículo terá depende muito de como ele e seu substituto são vistos no mercado. Há casos em que a versão seguinte não faz tanto sucesso quanto a anterior e a taxa de desvalorização do mais recente acaba sendo maior que a do antigo.

Carros que são muito populares também podem não sofrer tanto impacto. Lembre do sucesso do Fiat Palio, Chevrolet Celta, Volkswagen SpaceFox e Ford New Fiesta, por exemplo. É uma clara questão de oferta e demanda.

A preferência do mercado, ou seja, o fato do modelo ter mais ou menos procura determina seu valor. Se a procura for baixa, maior a desvalorização. Já se a procura for alta, pode ser que os preços caiam menos ou até subam por conta da escassez. A desvalorização também é menor com os chamados carros de entrada, que já têm preços mais baixos.

Confira a lista dos 10 carros que menos desvalorizam.

 

Seguro Auto

O seguro do seminovo também pode ficar mais em conta, isso porque o valor da proposta é proporcional ao valor do modelo no mercado. Mas é preciso verificar se a seguradora aceita cobrir o modelo escolhido. Algumas empresas costumam não aceitar cobrir carros com mais de 15 anos, sobretudo importados.

 

Desvantagens do carro que saiu de linha

É claro que para alguns consumidores, se o veículo perder valor de revenda já pode ser uma desvantagem. Mas uma outra questão que pesa é a facilidade ou dificuldade de manutenção. Será que você vai conseguir encontrar peças para seu carro depois que ele sair de linha?

Por lei, as montadoras são obrigadas a manterem a linha de produção das peças por até dez anos após a interrupção de fabricação desses veículos. Porém, a dificuldade para encontrar peças e serviço de assistência técnica pode surgir antes desse prazo.

Com isso, um carro que entrou no mecânico hoje pode demorar semanas para resolver o problema, caso os mecânicos tenham dificuldade de encomendar o que precisam. Por esse motivo, uma recomendação é optar por um veículo que tenha um jogo de peças igual a de outros modelos que continuam sendo fabricados.

 

Carros importados ou nacionais

A questão se torna menos complicada quando o veículo é produzido no Brasil, o que pode até reduzir a taxa de desvalorização. O fato do carro ser fabricado nacionalmente pode evitar que o proprietário fique na mão sem a assistência adequada para seu seminovo.

Já quando se trata de carros importados, a desvalorização pode sim ser maior. Isso acontece justamente porque pode ser muito mais difícil solicitar assistência da montadora e ter acesso às peças.

E se o modelo ganhar uma nova versão?

Alguns carros não saem de linha, mas recebem mudanças na sua estrutura ou na estética. Dependendo da alteração, ela pode ou não influenciar no valor e na utilidade do veículo.

Se o carro teve sua engenharia melhorada, é provável que a nova versão valha mais que a anterior. Já se a mudança for apenas no design, a utilidade do veículo irá continuar praticamente a mesma, o que pode não impactar tanto no mercado.

 

Carros que podem sair de linha em 2021

Segundo avaliação da Revista Auto Esporte, há alguns carros que correm o risco de saírem de linha em 2021. Confira:

  1. Citroën C3
  2. Chevrolet Montana
  3. Fiat Grand Siena
  4. Hyundai ix35
  5. Toyota Etios
  6. Volkswagen Fox

Está pensando em comprar um seminovo? Confira o Guia definitivo dos seminovos.

VOLTAR AO INÍCIO